Skip to main content
mercado medieval obidos

Mercado Medieval de Óbidos » 1 ou 2 Nts c/ Opção Meia-Pensão + Entradas

Entre a cidade e o Caldas Internacional Hotel dá-se uma conciliação perfeita no que diz respeito ao que cada um tem para oferecer.
Um afloramento de águas termais de excepcional qualidade determinou, na viragem do século XV para o século XVI, a localização de um balneário e de uma nova povoação: Caldas de Óbidos, mais tarde Caldas da Rainha, o pequeno território, que em 1511 foi demarcado.

Situado nas Caldas da Rainha, uma cidade conhecida pelas suas termas e pelas lindas cerâmicas, o Hotel Caldas Internacional dispõe de uma piscina exterior para que o seu bem-estar e descanso seja total.
Dispõe ainda de quartos modernos e estacionamento gratuito, onde os acessos são claramente facilitados!

O Hotel Caldas Internacional tem quartos climatizados, decorados em cores vivas para que a alegria e satisfação seja uma constante enquanto fizer usufruto deles. Cada quarto tem uma televisão por cabo, mini-bar e casa de banho privada com secador de cabelo.

Caso deseje, poderá tomar o pequeno-almoço na privacidade do seu quarto e desfrutar do aconchego e bem-estar logo pela manhã.
Para deliciar o paladar de forma mais intensa, O restaurante do hotel serve pratos locais, enquanto o bar propõe refeições refrescantes.

Para que nada lhe falte…
A poucos minutos do centro da cidade e da A8, o hotel dispõe de uma série de comodidades, incluindo um centro de fitness e bilhar.

E se pensa que a viagem termina aqui, desengane-se… Fique a conhecer melhor o Mercado Medieval!

Em busca dos sabores Medievais…

Na Idade Média, exceptuando alguns períodos de maiores dificuldades económicas ou de cataclismos naturais, a alimentação da população, incluído todos os estratos sociais, seria razoável e suficiente para as necessidades nutricionais da época.

As principais refeições do dia eram: o jantar e a ceia. Jantava-se, nos finais do século XIV, entre as dez e as onze horas da manhã e a Ceia tomava-se por volta das seis ou sete horas da tarde, muito próximo do anoitecer.

A base da alimentação era, essencialmente, o pão, a carne e o vinho. Contudo existiam outros alimentos e temperos que aludiam alguma abundância e riqueza gastronómica, tendo como principais temperos: o vinho, o sumo de citrinos, o azeite, a manteiga para cozinhar e as especiarias para condimentar. Para colorir um pouco os pratos era usual utilizar açafrão para o amarelo, sândalo e pimentão para o vermelho e a couve roxa para os tons azuis.

Perca-se na magia de uma terra deliciosa e cheia de encantos… Surpreenda-se e sorria muito!